Tradições do Campo

Notícia 2

Com a enorme diversidade de queijos que existem no mundo sentiu-se a necessidade de criar um sistema de classificação dos queijos. No entanto nem sempre é fácil ordená-los segundo regras muito precisas. Podemos classificar os queijos de uma forma simples segundo o leite de que são feitos: queijos de leite de vaca, ovelha, cabra, búfala, etc.
Podemos ainda fazer a distinção em função da gordura no extracto seco do queijo: queijos magros (< 10%), meio-gordos (25%-45%), gordos (45%-60%) e extragordos > 60%). Podemos também agrupá-los segundo a quantidade de humidade que têm e o respectivo tipo de pasta: pastas frescas; pastas moles, de casca lavada ou com bolor branco; pastas semiduras; pastas prensadas, cozidas ou não; pastas duras; pastas extraduras; queijos azuis; queijos de pasta filante; queijos de fantasia e queijos fundidos. Esta é a forma mais utilizada internacionalmente e talvez a mais clara para o consumidor.

PT EN FR ES